Conjunto de trabalhos elaborados pelos alunos do 8ºA, da professora Clara Abegão, Escola EB 2,3 Dr. José Neves Júnior - Faro sobre algumas espécies em risco e que É URGENTE PRESERVAR!
Sexta-feira, 15 de Junho de 2007
Cegonha –Preta

 

O nome científico : Ciconia nigra
Como é: 
Tem uma plumagem branca no ventre e negra com reflexos metálicos no dorso, cauda, cabeça e pescoço. O seu bico e as suas patas são de cor vermelha viva no adulto, são esverdeados e bastante mais claros nos juvenis. A sua plumagem escura e metálica pode, por vezes, reflectir a luz do Sol, fazendo-a parecer bastante clara quando vista de longe.
 
 
Como e onde vive: 
Habita em regiões com muitas árvores, normalmente junto a lagos, rios e terras pantanosas cercadas de árvores. Em Portugal vive apenas nas regiões mais interiores, inóspitas e isoladas. Os troços internacionais dos rios Douro, Tejo e Guadiana oferecem para a sua espécie condições privilegiadas, sobretudo devido à fraca perturbação humana que aí se regista e à abundância de locais de nidificação.
 
 
Como se alimenta:
A sua alimentação é muito semelhante à da cegonha-branca. Inclui uma maior percentagem de peixe e outros seres aquáticos. O seu regime alimentar faz com que estas aves sejam extremamente úteis para a agricultura, pois comem inúmeros insectos e servem como controladores de possíveis pragas. A base da sua alimentação é constituída por crustáceos, anfíbios, e pequenos peixes.
 
 
Como se reproduz:
Chega da sua migração em Março, inicio imediatamente a época de nidificação. Regressa igualmente a África no fim do Verão. A incubação dura vinte dias ou pouco mais.
 
Porque está em vias de extinção:
Porque o homem na sua grande ambição foi pouco a pouco destruindo o seu habitat natural, havendo ainda a salientar o facto de os agricultores utilizarem muitos químicos nas suas culturas e sem se aperceberem estão a envenenar-lhe.
 
O que se pode fazer para a salvar:
Podemos fazer campanhas de sensibilização e informação do perigo de extinção que a sua espécie corre e simultaneamente pode-se ajudar as entidades competentes na preservação da sua espécie, colocando por exemplo ninhos nos locais onde costumam nidificar.
 
Consultar:
http://www.spea.pt/index.php?op=ondeobservar
Trabalho realizado por:
                                                                               Ana Margarida nº 2
                                                                               Sofia Naendralal nº 20      


publicado por EscolaJNJ às 21:57
link do post | favorito

De KiKi a 16 de Novembro de 2009 às 20:10
OLÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


De marisa a 29 de Dezembro de 2011 às 14:51
olá eu sou da escola roque gameiro turma 5º3ª chamo-me Marisa Brandão isto está me a ajudar muito obrigada e a minha professora é bue chata um pouco coninhas e exigente não sabem como isto me vai ajudar obrigada estou a falar duma professora chamada Maria Helena Salsinha.


De Anónimo a 16 de Fevereiro de 2013 às 18:19
Não te fica muito bem chegares aqui dares os teus dados, falar mal da tua professora e ainda por cima a identificares também. Acorda, pita!


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



pesquisar
 
Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Rinoceronte da Malásia

LINCE IBÉRICO

O Cachalote

Lobo - Ibérico

Cegonha –Preta

Canguru

Panda Gigante

Grande Tubarão Branco

Lince Ibérico

arquivos

Julho 2007

Junho 2007

tags

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds